Força Aérea Portuguesa em Missão de Transporte de Órgãos na Noite de Passagem de Ano

O papel desempenhado na sociedade pela Força Aérea Portuguesa estende-se muito mais além do que o controlo e monitorização da segurança do espaço aéreo nacional. Diariamente, são realizados diversos tipos de operações que em muito beneficiam a população nacional e que, em última análise, contribuem para a nobre missão de salvar vidas, numa constante luta para encurtar quer distâncias, quer o tempo necessário para alcançar o destino.

A tripulação de alerta da Esquadra 504 – Linces, que integra a Força Aérea levou a cabo uma missão de transporte de órgãos para transplante na madrugada de 31 de dezembro de 2018, entre o arquipélago dos Açores e Portugal continental, operada pela aeronave Falcon 50.

Em 2018, foram transportados 28 órgãos e respetivas Equipas de Profissionais, através da ativação dos meios do sistema nacional de forças, para o cumprimento de operações de natureza semelhante, que ocasionalmente, também, se realizam fora do território nacional, nomeadamente em Espanha.

Para o sucesso desta nobre missão, de significativo valor para a nossa sociedade, é crucial a prontidão e uma rápida agilização, assim como ações coordenadas entre profissionais da saúde, disponibilidade imediata dos meios aéreos e respetiva tripulação, militares de alerta na Força Aérea, assim como das diferentes entidades competentes, como por exemplo as autoridades aeroportuárias.

 

Loading...
Loading...